Comemoração do Dia Municipal da Luta Contra a Medicalização na Educação – “Vamos brincar e desmedicalizar a vida”

A Associação Brasileira de Psicologia Escolar e Educacional esteve presente no dia Mundial da Luta Contra a Medicalização, por meio de suas representantes, Marilene Proença Rebello de Souza e Roseli Fernandes Lins Caldas  além de contribuir para a atividade em questão.

O tema da medicalização tem sido alvo de grande preocupação, gerando muitos debates, ações frente ao poder público e articulação com os conhecimentos acadêmicos. A medicalização é o processo em que as questões da vida social, sempre complexas, multifatoriais e marcadas pela cultura e pelo tempo histórico, são reduzidas à lógica médica, vinculando aquilo que não está adequado às normas sociais a uma suposta causalidade orgânica, expressa no adoecimento do indivíduo.

Assim, questões como os comportamentos não aceitos socialmente, as performances escolares que não atingem as metas das instituições, as conquistas desenvolvimentais que não ocorrem no período estipulado, são retiradas de seus contextos, isolados dos determinantes sociais, políticos, históricos e relacionais, passando a ser compreendidos apenas como uma doença, que deve ser tratada.

O evento propõe celebrar o Dia Municipal por meio de atividades de sensibilização e informação à população sendo uma importante forma de campanha educativa, visando informar, esclarecer e divulgar o tema e promover a saúde e a qualidade de vida da infância. 

http://camaramunicipalsp.qaplaweb.com.br/cgi-bin/wxis.bin/iah/scripts/?IsisScript=iah.xis&lang=pt&format=detalhado.pft&base=legis&nextAction=search&form=A&indexSearch=^nTw^lTodos%20os%20campos&&exprSearch=LEI15.554/2012

Confira algumas fotos!

 

Esse post foi publicado em Uncategorized. Bookmark o link permanente.