ABRAPEE, ABEP, FENAPSI e CFP Recebidos pelo Ministro da Educação

Nesta quinta-feira, dia 03 de maio, a ABRAPEE, ABEP, CFP e FENAPSI, enquanto entidades do Fórum de Entidades Nacionais da Psicologia Brasileira, fomos recebidos pelo Ministro da Educação Aloizio Mercadante. Foi um encontro muito importante no qual pudemos apresentar uma vasta pauta de solicitações e de possibilidades de articulação conjunta entre psicólogos e o Ministério. Dentre os temas abordados destacaram-se a Escola de Tempo Integral, Atuação do Psicólogo na Educação, Medicalização, Avaliação de Cursos de Psicologia, Psicologia no Ensino Médio, representação do Fórum no Conselho Nacional de Educação, dentre outros. Veja o documento entregue ao Ministro, na íntegra. Será realizada em Brasília uma reunião de trabalho para realização de ações conjuntas, no dia 18 de maio, da qual a ABRAPEE fará parte como entidade representativa dos psicólogos que atuam na área da Educação.
                            

 

 

PL 3688/200 que Dispõe sobre a Prestação de Serviços de Psicologia e de Assistência Social na Educação Básica

Continua tramitando o Projeto de LEI 3688/2000, com apoio ao Substitutivo do Senador Flavio Arns (PLC60/2007). Neste momento, foi indicada a relatora pela Comissão de Educação e Cultura da Câmara dos Deputados, a deputada paulista Keido Ota, do PSB/SP. Será muito importante que os psicólogos encaminhem emails à Deputada e à Comissão de Educação para apresentar nossa posição favorável ao Substitutivo ao PL 3688/2000. Link para envio de emails http://www.camara.gov.br/internet/ordemdodia/ordemDetalheReuniaoCom.asp?codReuniao=28350

ABRAPEE participa de Reunião com o Fórumadd da Argentina sobre Medicalização da Educação e da Sociedade

A ABRAPEE, membro da Secretaria Executiva do Fórum sobre Medicalização da Educação e da Sociedade, participou nos dias 30 de abril e 1o. de maio em reunião conjunta com o Forumadd, da Argentina, contra a Patologizacion dela Infância. Nesteocasião, foram acordadas várias ações: a) divulgação ampla da Carta sobre Medicalização da Vida, documento conjunto escrito entre os dois Fóruns; b) organização de um evento no dia 10 de novembro para questionar o DSM enquanto instrumento de avaliação e de diagnóstico de saúde mental;  c) organização de atividades para o III Seminário Internacional A Educação Medicalizada: Dislexia, TDAH e outros Supostos Transtornos a ser realizado em julho de 2013. Foi um encontro muito importante de aproximação dos profissionais dos dois países, Brasil e Argentina, bem como de articulação de ações conjuntas.

Anúncios
Esse post foi publicado em Uncategorized. Bookmark o link permanente.